Capa do livro: DIREITOS HUMANOS, DEMOCRACIA E JUSTIÇA:<BR> percepções literárias, jurídicas e filosóficas sobre a diferença

DIREITOS HUMANOS, DEMOCRACIA E JUSTIÇA:
percepções literárias, jurídicas e filosóficas sobre a diferença

Autores: Eliseu Riscaroli - Flavio Pereira Camargo

livro impresso
de R$ 47,90 por
livro digital
de R$ 47,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

As reflexões propostas nesta obra abarcam o casamento, a adoção e as configurações de famílias homoafetivas, sobretudo após a decisão do Supremo Tribunal Federal (2011). Buscam, também, dialogar com o leitor sobre questões da Educação com a Democracia e os Direitos Humanos como forma de aperfeiçoar nosso olhar acerca da convivência em sociedade, balizada por princípios éticos que se manifestem também no currículo. Essa convivência incorpora diferenças que em muitos casos se corporificam em estereótipos de cor, sexo, religião, identidade sexual, que, se não estudadas, debatidas, reflexionadas, nos levam a eliminar a diferença ou o diferente, pois o diferente incomoda. Incomoda também a preferência sexual do outro. É com este espírito de debate que apresentamos este livro cujo tema principal são os direitos humanos sob a óptica de diferentes leituras e olhares, tentado entender porque o historicamente estabelecido finca raízes que não busca seiva no seio da terra, mas se cristaliza como se cimento fosse nos corpos, nas mentes, nos imaginários, na religião, na ideologia nas nossas formas de representar o mundo e as pessoas que nele criam relações que nunca são eternas, apesar do querer. Direito a adotar e ser adotado. Direito à educação como educação de direito. Direito a ter casa e alimento, salário e pensão. Direito e dignidade de pessoa humana. Esperamos que esta coletânea desperte no leitor um incômodo de ver o outro, a diferença, como algo a ser respeitado, mesmo na discordância. É assim que vamos construindo castelos em vez de muros, utopias em vez ceticismo, tolerância em vez de xenofobia e de homofobia.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-8042-719-6
DOI: 10.24824/978858042719.6
Ano de edição: 2013
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 208
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

DIREITOS HUMANOS, DEMOCRACIA E JUSTIÇA:<BR> percepções literárias, jurídicas e filosóficas sobre a diferença

Autores

Eliseu Riscaroli

 Pedagogo e Mestre em Educação pela UFMT. Doutor pela UFSCar. Docente na Universidade Federal do Tocantins – cadeira de Filosofia da Educação. Estuda, pesquisa e orienta trabalhos em Gênero, Infância, Sexualidade e Masculinidades. Atualmente em Pós-Doutoramento no Centro Interdisciplinar do Século XX – Ius Gentium Conimbrigae – Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Organizador das obras: Pluralidades de Gênero, Sexualidades e Educação; Direitos Humanos e Diversidade de Gênero; Cruzando Fronteiras: leituras em Gênero, literatura e Educação.

Edgar Henrique Trapp

 Psicólogo, Bolsista da Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado do Tocantins no Doutorado em Psicologia pela UCES – Universidade de Ciências Empresariales y Sociales – Buenos Aires/Argentina.

Carlos V. Estevão

 Professor catedrático, do Departamento de Ciências Sociais da Educação da Universidade do Minho, com mais de uma centena de publicações no país e no estrangeiro nas áreas da justiça e educação, administração educacional, ensino privado e educação para os direitos humanos. Tem lecionado várias unidades curriculares em universidades do país e do estrangeiro. Coordenou projetos de investigação financiados. É Presidente do Conselho Pedagógico e Vice-Presidente do Instituto de Educação.

Leonice Alves Pereira Mourad

Advogada, socióloga e licenciada em história, mestre e doutora em História da América Latina pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS. Mestranda em geografia pela UFSM. Professora adjunta da UFSM, lotada no departamento de metodologia de ensino, ministrando disciplinas no curso de sociologia e pedagogia. Docente da pós-graduação em história da UFMT. Pesquisadora do NEED/UNEMAT.

Hellen Cristina de Souza

Graduada em Pedagogia, mestre em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso e doutorado em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Professora formadora na área de Educação Escolar Indígena no Centro de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica do Estado do Mato Grosso. Professora do curso de Direito da Universidade de Cuiabá. Pesquisadora do NEED/UNEMAT.

Marinez Cargnin-Stieler

Graduada em matemática pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). É mestre em Ensino da Matemática pelo Centro Universitário Franciscano (UNIFRA). Professora assistente da Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT. Doutoranda da Universidade Estadual Paulista (UNESP). Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira (FEIS). Bolsista (PSDE) da CAPES na UMINHO-PT. Pesquisadora do NEED/UNEMAT.

Samuel Duarte Correa

Graduado em Ciências Sociais. Mestre em Ciência Política pela UFMG. Professor assistente da UFT.

Flavio Pereira Camargo

 Doutor em Literatura pela Universidade de Brasília, com Residência Pós-Doutoral em Literatura Brasileira na UFMG. É Professor Adjunto de Literatura Brasileira da Universidade Federal do Tocantins, Tocantins, Brasil, atuando na graduação, no curso de Letras, e no Programa de Pós-Graduação em Letras: Ensino de Língua e Literatura.

Izabel Cristina dos Santos Teixeira

Formada em Geologia (UFC, 1990), e Letras (UFSC, 2000). Mestre em literatura (UFSC, 2002), e doutora em Literatura (UFSC, 2011). Atualmente, é professora adjunta II da UNILAB, dedicando-se às literaturas africanas de língua portuguesa. Desenvolve pesquisas sobre a Mulher, Natureza e Sustentabilidade ambiental na literatura moçambicana, a partir da leitura das obras de Paulina Chiziane.  

Carlos Henrique Bento

 Licencidado em letras – Português e Inglês. Mestre em Teoria Literária (UFMG). Doutor em Literatura Comparada (UFMG). Coordenador do grupo de pesquisa Representações Discursivas da Contemporaneidade. Professor do Instituto Federal de Educação de Minas Gerais.

Joao Francisco da Mota Junior

Graduado em Direito e Especialista em Processo Civil e Penal-UFBA, Pós-Graduado em Ciências Jurídicas – UCSal/EMAB e Especialista em Direito Empresarial – UCAM/Instituto A Vez do Mestre. Mestrando em Direito Constitucional pelo Instituto Brasilense de Direito Público – IDP. Professor da Unieuro (Brasília-DF). Exerceu funções nas Justiças Estadual e Federal. Analista de Finanças e Controle - Controladoria-Geral da União, requisitado à Presidência da República. Membro do Conselho Nacional de Segurança Pública – CONASP, biênio 2011-2012. Autor de artigos publicados em periódicos nacionais e estrangeiros.

Luana Tomaz de Souza

 Graduada em Direito. Doutoranda em Direito (Universidade de Coimbra). Professora da Universidade Federal do Pará. Núcleo Interdisciplinar de Violência na Amazônia (NEIVA).

Carla de Marcelino Gomes

 Coordenadora de Projetos e investigadora no Ius Gentium Conimbrigae/Centro de Direitos Humanos (IGC/CDH), da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, onde trabalha desde setembro de 2001. Doutoranda em “Política Internacional e Resolução de Conflitos”, na Faculdade de Economia, Universidade de Coimbra, especialização nas áreas da justiça de transição e das crianças-soldado. Detém o European Master’s Degree in Human Rights and Democratisation (2001), especialização em Direitos da Criança. Licenciada em Direito (1996), pela Universidade de Coimbra. Codiretora executiva do Curso em Operações de Paz e Ação Humanitária. Integra o corpo docente da Pós-graduação em Direitos Humanos, no IGC/CDH, desde 2002. Tem várias publicações nas áreas da sua especialização. Participa em missões de reconstrução pós-conflito e de desenvolvimento, particularmente, em matérias de construção institucional, redação legislativa e didática, bem como formação, em colaboração com entidades governamentais, ONU e ONG.

Auricelia de Aguiar Silva

  Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Maranhão e estudante do Curso de Especialização em Metodologia do Ensino Superior na Universidade Estadual do Maranhão.

Jonas Alves da Silva Junior

 Professor Adjunto do Depto. de Educação e Sociedade da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Graduado em Letras e Pedagogia, com doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo. Atua em pesquisas sobre gênero, sexualidade, corpo e educação.