Capa do livro: DIÁLOGOS LINGUÍSTICOS

DIÁLOGOS LINGUÍSTICOS

Autores: Carlos Antônio Magalhães Guedelha, Iná Isabel de Almeida Rafael Silva. (Orgs)

livro impresso
de R$ 41,90 por
livro digital
de R$ 41,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

O presente livro contempla, por meio de textos de professores e pesquisadores da Universidade Federal do Amazonas, estudos acerca da linguagem. Os autores – reunidos em torno de um objetivo comum, a publicação de uma parte do que se vem investigando ao longo da carreira, exercício esse que suscita um reconhecimento, visto os entraves próprios à divulgação do conhecimento acadêmico – concretizam, com a materialização desse livro, o desejo pela propagação do conhecimento.
A leitura de cada capítulo independe da linearidade em sua sequência, uma vez que cada texto foi criado individualmente, unido apenas por um tema comum que perpassa todos os escritos: a Língua, abordada em suas variadas modalidades e perspectivas.
Sendo assim, aqueles que têm o interesse por aspectos específicos à escrita científica e/ou literária encontrarão no texto de Carlos Guedelha uma abordagem evidentemente esclarecedora dessas duas metodologias; no que concerne a alguns processos da criação linguística, Iná Isabel e Bernadete Alves oferecem possibilidades permitidas pela Língua; já quanto ao processo de formação de palavras, o texto de Ilna Santos e Orlando Azevedo são os indicados; uma abordagem sociolinguística da fala manauara está presente no texto de Conceição Vale e Mirley Costa; a quem interessar os modos do fazer científico, pautado numa perspectiva dialógica, o texto de Fernanda de Los Rios aborda essa visão do conhecimento textual; já as discussões referentes a propostas para o ensino da Língua constam nos textos de Ligya Souza e Carolina Barros, com suas particularidades de abordagem; por fim, o texto de Thays Coelho apresenta uma análise discursiva da literatura autobiográfica de cárcere.
Dessa forma, acreditamos que muitos caminhos possíveis dos estudos linguísticos foram explorados, dentro dos limites deste veículo de divulgação, que nos permite periodicamente apresentar a você as novidades quanto ao conhecimento da língua, campo inesgotável do conhecimento, e que os autores prazerosamente pesquisam.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-1453-8
DOI: 10.24824/978854441453.8
Ano de edição: 2017
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 154
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

DIÁLOGOS LINGUÍSTICOS

Autores

CARLOS ANTÔNIO MAGALHÃES GUEDELHA
Doutor em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC, 2013). Mestre em Sociedade e Cultura na Amazônia pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM, 2001), com enfoque em estudos literários; Dissertação intitulada Manaus de águas passadas: a recriação poética de Manaus em Visgo da terra, de Astrid Cabral. Graduado em Letras pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM, 1993). Professor da Universidade Federal do Amazonas desde 2005. Experiência na área de Letras, com ênfase nas interfaces da Linguística e da Literatura, atuando principalmente nos seguintes temas: teoria e crítica literária, literatura amazônica, metáfora, teorias da enunciação, usos da linguagem. Participa do Grupo de Estudos e Pesquisas em Literaturas de Língua Portuguesa (GEPELIP-UFAM), e coordena o Grupo de Estudos da Metáfora e Pesquisas sobre Língua e Literatura de Expressão Amazônica (GREMPLEXA-UFAM).

INÁ ISABEL DE ALMEIDA RAFAEL SILVA
Doutoranda em SOCIEDADE E CULTURA NA AMAZÔNIA pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM, 2016), desenvolvendo pesquisa sobre a representação da cidade de Manaus na literatura. Bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoa de Nível Superior - CAPES. Mestra em LETRAS pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM, 2014), com área de concentração em Estudos da Linguagem, pesquisa desenvolvida na interface da Linguística com a Literatura. Mestrado realizado com bolsa de estudos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Amazonas - FAPEAM. Especialista em LEITURA E PRODUÇÃO TEXTUAL pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas (IFAM, 2010). Graduada em LICENCIATURA PLENA EM LETRAS – HABILITAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURAS pelo Centro Universitário do Norte (UNINORTE, 2008). Participa dos seguintes grupos de pesquisa: Grupo de Estudos da Metáfora e Pesquisas sobre Língua e Literatura de Expressão Amazônica (GREMPLEXA-UFAM) e Grupo de Estudos e Pesquisas em Literaturas de Língua Portuguesa (GEPELIP-UFAM). Organizadora dos livros Linguística: múltiplas abordagens (editora Virtualbooks, 2014) e Literatura: múltiplas abordagens (editora CRV, 2015).

CAROLINA PINHEIRO BARROS
Possui graduação em Letras Língua Inglesa pela Universidade Luterana do Brasil (2013) e Graduação em Turismo pelo Instituto Esperança de Ensino Superior (2007). Pós-graduação em Educação e gestão ambiental (IESPES) e Metodologia da Língua Inglesa (ESBAM). Atualmente é Mestranda em Estudos da Linguagem – UFAM. Membro do grupo de estudos-Observatório de Ensino de Línguas, coordenado pelo prof. Dr Wagner Barros (UFAM). É professora da Escola Batista do Amazonas (ESBAM). Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Linguística, atuando principalmente no seguinte tema: sociolinguística, dialectologia e língua Inglesa.

FERNANDA DIAS DE LOS RIOS MENDONÇA
Doutora em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Especialista em Linguística pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM). Possui graduação em Letras pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e graduação em Licenciatura Plena pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). É professora adjunta do Curso de Letras da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e professora do Programa de Pós-Graduação em Letras da mesma Universidade. Atualmente, desenvolve projetos de extensão e orienta pesquisas no âmbito da Linguística Aplicada e do Discurso, com ênfase na abordagem dialógica do Círculo de Bakhtin. Líder do Grupo de Pesquisa LADI e Coordenadora de Estágio Supervisionado da Licenciatura em Letras - Língua e Literatura Portuguesa da UFAM. Integrante do Programa de Licenciaturas Internacionais (CAPES), que estabelece parceria entre a UFAM e a UC (Universidade de Coimbra) e do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (CAPES/UFAM).

LYGIA DE LIMA SOUZA
Graduada em Letras – Língua Portuguesa, especialista em Língua Portuguesa e Ensino e mestranda do Programa de Pós-graduação em Letras – Estudos da Linguagem da Universidade Federal do Amazonas. Atua como Assessora de Linguagem na SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO/MANAUS. Ministrou aulas no PARFOR (Plataforma Paulo Freire) pela Universidade do Federal do Amazonas. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa.

MARIA DA CONCEIÇÃO QUEIROZ VALE
Possui graduação em Letras Língua Inglesa (1997), especialização em Metodologia do Ensino Superior (2004) e mestrado em Letras (2014) pela Universidade Federal do Amazonas. É professora efetiva da Universidade Federal do Oeste do Pará. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Inglesa, atuando principalmente no seguinte tema: ensino-aprendizagem de Inglês como língua estrangeira. Atualmente é vice-coordenadora do Programa de Letras do Instituto de Ciências da Educação e coordena o Curso de Letras do PARFOR da UFOPA.

MIRLEY TEREZA CORREIA DA COSTA
Mestre em Letras, área Estudos da Linguagem, pela Universidade Federal do Amazonas (2014). Especialista em Gestão Escolar com ênfase no estudo de Políticas Públicas para o ensino de línguas estrangeiras (2009). Graduada em Letras Português Francês Licenciatura Plena pela Universidade Federal de Sergipe (2003). Tem experiência no ensino de Língua Francesa, Portuguesa e Literatura Brasileira. Atuou na França como professora assistente de Língua Portuguesa e atualmente é professora de carreira do departamento de Línguas e Literaturas estrangeiras da Universidade Federal do Amazonas.

ILNA KELLY FERREIRA DOS SANTOS
Graduanda em Letras, Língua e Literatura Inglesa pela Universidade Federal do Amazonas.

ORLANDO DA SILVA AZEVEDO
Graduado em Letras: Língua e Literatura Portuguesa pela UFAM (2002). Trabalhou no Instituto de Saúde e Biotecnologia da Universidade Federal do Amazonas, Polo de Coari, ministrando disciplinas de Português instrumental, Inglês Instrumental, Língua Portuguesa I, de 2006 a 2013. Atualmente sou professor do Departamento de Letras: Língua e Literatura Portuguesa, Campus Manaus/AM, onde ministra as disciplinas de Literatura Brasileira, Teoria da Literatura e Linguística. Doutor em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina-UFSC (2013, conceito Capes 6), com pesquisa é voltada para os estudos sociolinguísticos e dialetológicos sobre o português amazônico.

THAYS COELHO DE ARAÚJO
Mestranda em Estudos da Linguagem pelo programa de Pós-Graduação em Letras da UFAM - Universidade Federal do Amazonas. Membro do grupo de estudos Michel Foucault e os Estudos Discursivos da UFAM – Universidade Federal do Amazonas. Possui graduação em Letras – Língua Portuguesa e Respectiva Literatura pelo Centro Universitário Leonardo da Vinci (2013).

MARIA BERNADETE BONINI ALVES
Possui graduação em Letras pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Penápolis (1983). Especialização pela Universidade Federal do Mato Grosso (1989). Atualmente é professora da graduação e pós-graduação da Faculdade Martha Falcão – Devry, Professora de pós-graduação da faculdade Fametro. Cursando Mestrado em Linguagem pela Universidade Federal do Amazonas. Experiência em coordenação de área de Linguagem no ensino fundamental e médio.