Capa do livro: EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS DA CLASSE TRABALHADORA BRASILEIRA:<br> “Novos” projetos e antigas disputas

EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS DA CLASSE TRABALHADORA BRASILEIRA:
“Novos” projetos e antigas disputas

Autores: Maria Inês Bomfim - Sonia Maria Rummert (Orgs.).

livro impresso
de R$ 45,90 por
livro digital
de R$ 45,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Educação de Jovens e Adultos da classe trabalhadora brasileira. “Novos” projetos e antigas disputas é mais um denso e rigoroso trabalho de pesquisas com que o Grupo EJA Trabalhadores da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense nos presenteia. Situado no campo crítico, o grupo proporciona reflexões sobre as particularidades das políticas de educação de jovens e adultos, porém, articuladas organicamente na totalidade das políticas públicas da educação brasileira e na natureza e dinâmica da relação social e de produção capitalistas. Condensadas nas múltiplas, velhas e novas determinações próprias de uma formação social profundamente desigual, como a brasileira, as pesquisas revelam as relações de poder nas políticas de educação da classe trabalhadora, tal como elas são, e não como se apresentam na sua imediaticidade.
Com rigor conceitual e densidade teórica, o conjunto desta obra indica as contradições e mediações em aspectos fundantes das relações sociais capitalistas e, em particular, nas políticas públicas de educação da classe trabalhadora. Uma leitura obrigatória, sobretudo, para aqueles que defendem a educação pública articulada à luta por uma nova relação social e humana. Como o Grupo EJA Trabalhadores afirma: “Retomar [...] a discussão sobre as possibilidades formativas de jovens e adultos da classe trabalhadora, visando a superar nosso atual padrão societário, permanece como prioridade na luta pela igualdade real que almejamos”.
Parabéns pela década de luta em prol da educação dos trabalhadores!
Vânia Cardoso da Motta

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-1814-7
DOI: 10.24824/978854441814.7
Ano de edição: 2017
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 168
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS DA CLASSE TRABALHADORA BRASILEIRA:<br> “Novos” projetos e antigas disputas

Autores

CAMILA AZEVEDO SOUZA
Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Mestre e Doutoranda em Educação pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Atualmente vinculada ao Núcleo de Estudos, Documentação e Dados sobre Trabalho e Educação (NEDDATE-UFF) e ao Grupo de Pesquisa EJA Trabalhadores EJATrab (UFF/CNPq). Assistente de Edição da Revista Trabalho Necessário – NEDDATE-UFF.

GLAUCE BATISTA JUNIOR
Graduada em Pedagogia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Mestre em Educação pela Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

JAQUELINE VENTURA

Licenciada em Pedagogia, Mestre e Doutora em Educação pela Universidade Federal Fluminense – UFF. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Trabalho e Educação e Educação de Jovens e Adultos, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas de educação de jovens e adultos, formação docente para a educação de jovens e adultos e mundo do trabalho e educação básica e profissional de jovens e adultos trabalhadores. Atualmente, é Professora Adjunta da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense, atuando na Graduação e no Programa de Pós-Graduação em Educação, além de membro do Núcleo de Estudos Documentação e Dados em Trabalho e Educação (Neddate). Editora da Revista Trabalho Necessário. Vice líder do Grupo de Pesquisa Educação de Jovens e Adultos Trabalhadores – EJATRAB (UFF/CNPq).

LEANDRO DA SILVA GASPAR
Doutorando em Educação pela Universidade de São Paulo (USP). Mestrado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2014). Pós-Graduação em Gestão da Administração Pública (2012). Pós-Graduação em Pedagogia Crítica da Educação Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2010). Possui graduação em Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade Estácio de Sá (2007). Tem experiência na área de Políticas Públicas e Legislação Educacional, atuou como Coordenador Executivo Estadual do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (PROJOVEMURBANO/RJ, de 2009 a 2010); Atuando principalmente com os seguintes temas: Políticas Educacionais; Sociologia da Educação e Pensamento Pedagógico Brasileiro; História e Filosofia da Educação. Atualmente ocupa o cargo de Professor de Educação Física da Secretaria de Educação de Praia Grande, São Paulo.

LUDMILA LUSTOSA LESSA
Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal Fluminense (2014). Atualmente é Docente II da Secretaria Municipal de Educação de São Gonçalo e mestranda em Educação do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFF. Integrante do Grupo de Pesquisa EJA Trabalhadores EJATrab (UFF/CNPq). Tem experiência na área de Educação, com ênfase nas políticas de Educação de Jovens e Adultos.

MARCIA ALVARENGA
Professora associada da UERJ. Doutora em Educação pela UFRJ (2003), atua na graduação e no Mestrado em Educação – Processos Formativos e Desigualdades Sociais, da Faculdade de Formação de Professores da UERJ. Membro titular do Conselho Superior de Ensino Pesquisa e Extensão da UERJ (2012-1014 e 2014-2016). Pesquisadora do CNPq (2008-2010; 2010-2012; 2014-2017) e Faperj em projetos de auxílios à pesquisa. Pós-Doutorado em Educação pela UFMG (CNPq) e Pós-Doutorado em Educação pela Universidade de Évora. Bacharel em Direito pela UFF e Licenciada em Pedagogia pela UERJ. É membro do grupo de pesquisa Vozes da Educação: História e Memória das escolas. Participa do GT Educação de Pessoas Jovens e Adultas da Anped. É Procientista da UERJ com bolsa de produtividade Faperj/UERJ. Integrante do Grupo de Pesquisa EJA Trabalhadores EJATrab (UFF/)CNPq). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Políticas Públicas e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas e educação, educação de jovens e adultos trabalhadores, poder local, direito à educação e movimentos sociais.

MARIA INÊS MONTEIRO DO REGO BOMFIM
Possui Licenciatura em Pedagogia, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1976); Especialização em Educação, pelo IESAE/FGV(1991), na área de Administração de Sistemas Educacionais; Mestrado em Educação, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003) e Doutorado em Educação, pela Universidade Federal Fluminense – UFF(2008).Atualmente, é professora adjunta da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense-UFF. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em planejamento e avaliação de políticas públicas, atuando principalmente nas seguintes áreas: trabalho e formação docente, Ensino Médio/Educação Profissional e EJA. Membro do Grupo de Pesquisa EJA Trabalhadores e Coordenadora do Grupo de Pesquisa Formação e Trabalho Docente em Educação Profissional.

RAFAEL DE LIMA BILIO
Graduado em Pedagogia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (2006) e mestrado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (2010). Atualmente é professor assistente do Curso de Especialização em Saúde da Família do Centro Universitário Augusto Motta. Doutorando DO Programa de Pós-graduação em Educação da Universidade Federal Fluminense e Bolsista CNPq. Integrante do Grupo de Pesquisa UFF/CNPq Educação de Jovens e Adultos Trabalhadores – EJATRAB. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Política Educacional, Ensino Profissionalizante e Educação de Adultos, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, trabalho e educação e educação de jovens e adultos.

SAMANTHA CASTRO VIEIRA DE SOUZA
Licenciada em Educação Física (2014) e Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense – Programa de Pós-Graduação em Educação (2017). Integrante do Grupo de Pesquisa UFF/CNPq Educação de Jovens e Adultos Trabalhadores – EJATRAB.

SONIA MARIA RUMMERT
Professora Associada (Aposentada) da Universidade Federal Fluminense, atuando no Programa de Pós-Graduação em Educação. Possui experiência em ensino, pesquisa e extensão na área de Trabalho e Educação, com ênfase em educação básica e profissional de jovens e adultos trabalhadores. É pesquisadora do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, membro do NEDDATE-UFF, Editora da Revista Trabalho Necessário e Líder do Grupo de Pesquisa EJA Trabalhadores EJATrab (UFF/CNPq). É, também, professora Associada do Programa de Doutoramento em Formação de Adultos do Instituto de Educação da Universidade de Lisboa e Investigadora Integrada do Instituto de História Contemporânea da Universidade Nova de Lisboa.

VÂNIA CARDOSO DA MOTTA
Professora Adjunta da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), e do Programa de Pós-Graduação em EducaçãoLinha de pesquisa: Estado, Trabalho-Educação e Movimentos Sociais. Pós-doutorado em Políticas Públicas no Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Formação Humana da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ; FAPERJ/CAPES). Doutora em Serviço Social – UFRJ, na área de Teoria Social e Políticas Públicas (2007). Mestre em Educação, na área de Movimentos Sociais e Políticas Públicas, Universidade Federal Fluminense (2000). Pedagoga – Universidade Federal Fluminense. Pesquisadora-líder do Coletivo de Estudos Marxismo e Educação (COLEMARX) da UFRJ, junto com o Prof. Dr. Roberto Leher. Foi pesquisadora-bolsista do Programa Cátedras IPEA/CAPES sobre Desenvolvimento (2010-2012), Cátedra Florestan Fernandes. Atualmente, pós-doutoranda em Economia no Instituto de Economia da UFRJ, com supervisão do Prof. Dr. Eduardo Costa Pinto.