Capa do livro: PROGRAMA ESCOLA DA TERRA: <br>cartografia da diversidade e complexidade de sua execução no Brasil

PROGRAMA ESCOLA DA TERRA:
cartografia da diversidade e complexidade de sua execução no Brasil

Autores: Maria de Nazaré Cunha de Araújo - Salomão Antônio Mufarrej Hage - Hellen do Socorro de Araújo Silva - Joel Dias da Fonseca (Orgs.)

livro digital
de R$ 0,00 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Este livro apresenta a complexidade da experiência da formação continuada do Programa Escola da Terra que foi desenvolvido em 14 estados brasileiros, que de forma coletiva procuraram dar visibilidade para a realidade educacional das escolas do campo e quilombola, em particular das escolas multisseriadas.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-2222-9
DOI: 10.24824/978854442222.9
Ano de edição: 2018
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 332
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

PROGRAMA ESCOLA DA TERRA: <br>cartografia da diversidade e complexidade de sua execução no Brasil

Autores

SALOMÃO ANTÔNIO MUFARREJ HAGE
Doutor em Educação pela PUC/SP. Professor do Instituto de Ciências da Educação da Universidade Federal do Pará, coordenador do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação do Campo (GEPERUAZ). Integrante da Coordenação do Fórum Paraense de Educação do Campo. Coordenador do Programa Escola do Terra no Estado do Pará.

MARIA ISABEL ANTUNES-ROCHA
Professora Associada da Faculdade de Educação/Universidade Federal de Minas Gerais. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Educação do Campo (NEPCAMPO). Assumiu a Coordenação de Formação do Projeto Escola da Terra em Minas Gerais. Desenvolve projetos de ensino, pesquisa e extensão com os temas: Formação de Professores, Educação do Campo, Representações Sociais, Psicologia Social.

CRISTIENE A. S. CARVALHO
Doutoranda e mestre em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Atua como Coordenadora Pedagógica do Curso de Aperfeiçoamento Escola da Terra – Minas Gerais. Desenvolve pesquisas nas áreas: Representações Sociais, Educação do Campo, Práticas Pedagógicas, Ensino de Arte e Práticas Artísticas.

ÉRICA F. JUSTINO
Graduada em Normal Superior, Mestre em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Atualmente Coordenadora Estadual da Educação do Campo e Educação Escolar Indígena na SEE/MG e Coordenadora Estadual do Programa Escola da Terra em Minas Gerais.

CELI NELZA ZULKE TAFFAREL
Professora Dr.ª Titular FACED/UFBA Coordenadora Ação Escola da Terra Bahia, Coordenadora do Curso de Especialização/Aperfeiçoamento em Pedagogia Histórico-Crítica para as Escolas do Campo – Ação Escola da Terra – PRONACAMPO.

CLAUDIA LIMA
Mestre em Extensão Rural e Desenvolvimento Local (POSMEX-UFRPE), Socióloga e professora

pesquisadora no projeto Escola da Terra- Alagoas.

ANA CLÁUDIA LAURINDO
Mestre em Educação Brasileira (UFAL), Socióloga e supervisora do projeto Escola da Terra – Alagoas.

VALDECK GOMES
Graduado em História (UFPE) e Técnico Pedagógico da Gerência de Diversidades da Secretaria Estadualnde Educação de Alagoas e Coordenador Estadual do Escola da Terra Alagoas.

GIVALDO PEREIRA
Mestrando em Matemática (UFAL) e Tutor do Município de São José da Laje do Projeto Escola da Terra Alagoas.

HERMERSON C. M. MENEZES
Graduando em Pedagogia pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Bolsista da ação extensionista Escola da Terra Formação de professores de escolas multisseriadas do campo e quilombolas.

IGOR E. DE L. MOREIRA
Graduando em Pedagogia pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Bolsista da ação extensionista Escola da Terra Formação de professores de escolas multisseriadas do campo e quilombolas

CLARICE ZIENTARSKI
Coordenadora da ação extensionista Escola da Terra Formação de professores de escolas multisseriadas do campo e quilombolas.

SELMA COSTA PENA
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2010). É docente na UFPA. Faz pesquisa na área de formação de leitores, alfabetização e letramento. Tem experiência na área de ensino e aprendizagem de linguagem nos anos iniciais e na Educação infantil, atuando principalmente nas discussões sobre leitura, alfabetização, história do leitor e formação docente.

ERINEU FOERSTE
Professor Associado e membro do colegiado do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Feral do Espírito Santo. Coordena o Programa de Educação do Campo/UFES e o Curso de Aperfeiçoamento Escola da Terra Capixaba.
GERDA MARGIT SCHÜTZ-FOERSTE
Professora Associada e membro do colegiado do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Feral do Espírito Santo.

ANA CRISTINA HAMMEL
Professora da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS). Coordenador Geral do Programa Escola da Terra no Paraná. É licenciada em Pedagogia e História pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (UNICENTRO), mestre em Educação e doutoranda em História pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), área de concentração: História, Poder e Práticas Sociais.

ALEX VERDÉRIO
Professor da UFFS, Coordenador Adjunto e Supervisor do Programa Escola da Terra no Paraná. É licenciado em Pedagogia para Educadores do Campo, mestre em Educação pela UNIOESTE e doutorando em Educação vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Paraná (PPGE/UFPR), integrando a linha de pesquisa Escola, Cultura e Ensino.

ANA MARIA PEREIRA AIRES
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2009). Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco (2001). Especialista em Pesquisa Educacional pela Universidade do Estado do Rio grande do Norte (1997). Graduada em Pedagogia pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (1983). Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Tem experiência docente na Educação Básica e no Ensino Superior. Pesquisa sobre os seguintes temas: políticas e formação docente, currículo, curso de Pedagogia, prática docente e Identidade.

GLAUCIANE PINHEIRO ANDRADE
Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Atualmente exerce a função de Coordenadora do Núcleo de Educação do Campo e da Diversidade da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura do Rio Grande do Norte e avaliadora da rede de assistência técnica aos planos municipais de educação da SASE/MEC. Tem experiência na área de Educação como professora do Ensino Fundamental, formadora de professores da rede pública de ensino, membro da equipe de elaboração e monitoramento do Plano de Ações Articulado no Estado, assessoramento pedagógico na elaboração de material instrucional do Programa Escola Ativa/MEC, formadora nacional do Programa Escola Ativa/ MEC, supervisora de curso do Programa Escola da Terra no RN

JACYENE MELO DE OLIVEIRA
Professora Adjunto IV do Centro de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). É Licenciada em Pedagogia pela UFRN. Obteve Mestrado e Doutorado em Educação pelo Programa de PósGraduação em Educação (PPGEd) da UFRN. Tem ministrado disciplinas na graduação em Pedagogia, como também nas Licenciaturas e na Pós-Graduação (especialização) – nas modalidades presencial e a distância, atuando na pesquisa e na extensão, principalmente nas seguintes temáticas: Formação Docente, Educação Infantil, Alfabetização e Letramento, Atendimento Educacional Hospitalar (Classe Hospitalar), Educação a Distância. Está atualmente como vice-coordenadora do PROFOCO – Programa de Formação Continuada do Centro de Educação/UFRN (Biênio 2015-2017) e como coordenadora do Curso de Aperfeiçoamento Escola da Terra (PRONACAMPO-MEC-SECADI) edição 2015/2016 (concluída) e edição 2016/2017 (em andamento).

MARIA DE FATIMA DA COSTA SARAIVA
Graduação em Letras – Língua Portuguesa pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Brasil (1981) Professor do Secretaria de Estado da Educação e Cultura do RN.

KIZE ARACHELLI DE LIRA DA SILVA
Doutora formada pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEd), da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Atualmente é analista de extensão rural, exercendo a função de Pedagoga e atuando como assessora regional na pasta de Ações de Convivência com o Semiárido do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Rio Grande do Norte (EMATER-RN). Atua, desde 2015, como Formadora na Ação de Formação Continuada ‘Escola da Terra’ (MEC/SECADI/UFRN). É conselheira do Comitê Gestor de Educação do Campo no Rio Grande do Norte (COGEC-RN) e membro estadual da Rede de Educação Contextualizada do Semiárido Brasileiro (RESAB), representando a EMATER-RN.

DARLI COLLARES
Doutora em Educação, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Professora Associada da Área de Psicologia da Educação do Departamento de Estudos Básicos da Faculdade de Educação da UFRGS. Coordenadora do Curso de Aperfeiçoamento da Ação Escola da Terra.
NINA ROSA VENTIMIGLIA XAVIER
Mestre em Educação pela UFRGS. Professora e Orientadora Educacional da Rede Estadual de Ensino do RS. Membro da Diretoria Colegiada da Associação de Orientadores Educacionais do RS. Supervisora do Curso de Aperfeiçoamento da Ação Escola da Terra.

PATRÍCIA RUTZ BIERHARLS
Mestre em Educação pela UFRGS. Professora da Rede Municipal de Ensino do Município de Canguçu; Cursista da primeira edição do curso da Ação Escola da Terra e membro da equipe formadora da segunda edição.

PAULO PEIXOTO DE ALBUQUERQUE
Mestre em Educação pela UFRGS. Professora da Rede Municipal de Ensino do Município de Canguçu; Cursista da primeira edição do curso da Ação Escola da Terra e membro da equipe formadora da segunda edição.

KÁTIA OLIVER DE SÁ
Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (2009). Desenvolve pela FACED/UFBA o PRONACAMPO – Ação Escola da Terra, como formadora de professores de classes multisseriadas e quilombolas no ano de 2014. Foi bolsista pesquisadora do FNDE no ano de 2015, pelo PRONACAMPO na condição de conteudista na ação Escola da Terra, voltada para a formação de professores de educação do campo nos municípios do recôncavo do estado da Bahia; neste ano de 2017 é professora supervisora.
MARIZE DE SOUZA CARVALHO
Doutora em Educação (2011), pela Universidade Federal da Bahia. Atualmente é professora Adjunta da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia. Coordenadora do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação do Campo – GEPEC/FACED/UFBA. Ex-consultora do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PNUD na Secretaria de Alfabetização Diversidade e Inclusão do Ministério da Educação. Tendo trabalhado ao longo dos anos com as temáticas: Políticas Públicas; Educação do Campo; Educação e Movimentos Sociais; Formação de Professores e Educação Profssional.

OLGALICE DOS SANTOS SUZARTE DE JESUS
Mestra em Políticas Públicas, Gestão do Conhecimento e Desenvolvimento Regional da Universidade do Estado da Bahia (2010). Atualmente é Coordenadora Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação de Salvador. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação do Campo, Currículo e Metodologia do Ensino e atua como docente formador.
VANIA MATOS DOS SANTOS
Técnica da Secretaria de Educação do estado da Bahia.

GIVANDETE EVANGELISTA DOS SANTOS
É servidora de carreira – Secretaria da Educação atuando na execução de políticas públicas para os povos indígenas da Bahia e da educação do Campo. Colaboração na sistematização e organização dos Cadernos de Orientação Metodológica Educação Diferenciada na Visão do Povo Kiriri e Raízes e Vivências do Povo Pataxó Nas Escolas, parte integrante dos Livros didáticos: Nosso Povo: Leituras Kiriri e Leituras Pataxó, publicação do MEC/FNDE em parceria com a Secretaria de Educação do Estado da Bahia. Atua como tutora do Curso de Formação inicial em Pedagogia, para professores da rede pública, na modalidade à distância – EaD, realizado pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB / Núcleo de Educação à Distância – NEAD. Coordenadora Executiva do Movimento Popular e Histórico de Canudos.
RAPHAEL DOS SANTOS
Mestre em Educação do Campo pela Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). Atualmente é professor formador do Programa Escola da Terra do MEC pela UFBA, e consultor em Educação do Campo-Secretaria de Educação do Estado da Bahia. É pesquisador do Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação do Campo (GEPEC/UFBA).

LIDIANE DA SILVA SIMÕES
Atualmente trabalha na Escola Municipal Ayrton Oliveira de Freitas como professora de Ciências, também atua na rede estadual no Colégio Estadual Deputado Luís Eduardo Magalhães como professora de Química e Biologia, Faculdade do Sertão Baiano como professora de Fundamentos Metodológicos das Ciências e Estágio Supervisionado em Educação Infantil, tutora do Programa Escola da Terra no ano de 2015 a 2016.

MARILENE SANTOS
Doutora em Educação, Professora do Departamento de Educação da Universidade Federal de Sergipe – Campus Universitário Prof. Alberto de Carvalho.

SONIA MEIRE SANTOS AZEVEDO DE JESUS
Doutora em Educação, Professora do Departamento de Educação da Universidade Federal de Sergipe – Campus Universitário Prof. José Aloísio de Campos.

IRANETE MARIA DA SILVA LIMA
Professora doutora da Universidade Federal de Pernambuco – NUPEFEC/CAA/UFPE. Representa a UFPE no comitê de Educação do Campo de Pernambuco. Pesquisa sobre Didática da Matemática, a Educação Matemática Crítica e a Educação do Campo, com enfoque na formação de professores, decisões didáticas, concepções e conhecimentos mobilizadores por professores e alunos sobre noções matemáticas estudadas na Educação Básica.

ADEILDA ANA DA S. MARTINS
Mestranda do Programa de Pós-graduação Mestrado em Educação, cultura e Territórios Semiáridos – PPGESA/UNEB /DCH-III –Juazeiro BA. Turma: 2016. 1. Professora da Universidade do Estado da Bahia – UNEB, no Departamento de Ciências Humanas – Campus – III, Juazeiro – BA.

EDMERSON DOS SANTOS REIS
Membro da Rede de Educação do Semiárido Brasileiro – RESAB, Professor do Programa de Pós-Graduação – Mestrado em Educação, Cultura e Territórios Semiáridos – PPGESA, ofertado pela Universidade do Estado da Bahia – UNEB, no Departamento de Ciências Humanas – Campus – III, Juazeiro – BA.

XAVIER CARVALHO DE SOUSA NETO
Técnico em Assuntos Educacionais (TAE-NS) do MEC, responsável técnico do Projeto Escola da Terra. Mestre em Educação pela Universidade de Brasília (UnB), especialista em educação pela Universidade Cândido Mendes (UCAM/RJ), graduado em Estudos Sociais, com licenciatura plena em História (Faculdades Integradas UPES/Brasília-DF).

HELOISA DA SILVA BORGES
Graduada em Pedagogia, Especialista em EJA, Mestrado e Doutorado em Educação pela FACED/UFAM. Atualmente professora do Departamento de Administração e Planejamento, da Faced/UFAM, atua no PPGE na linha de Formação de Professor. Coordenadora Pedagógica do Curso de Aperfeiçoamento em Educação do Campo – Práticas Pedagógicas do convênio UFAM/FNDE/MEC-Secadi Programa Escola da Terra.

ARMINDA RACHEL BOTELHO MOURÃO
Graduada em Pedagogia, Mestrado em Educação pela FACED/UFAM e Doutorado em Educação pela PUC-SP. Professora do Departamento de Teoria e Fundamento Faced/UFAM. Coordenadora do PPGE e Coordenadora Adjunta do Convênio UFAM/FNDE/MEC-Secadi – Programa Escola da Terra.

GRAZIELA DEL MONACO
Docente do Departamento de Educação do Campo/Centro de Ciências da Educação – EDC/CED/UFSC. Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da UFSCar (2014). Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação, Escola do Campo e Agroecologia-CA/UFSC. Atua nas áreas de Educação do Campo e Ensino de Ciências.

ZILMA ISABEL PEIXER
Docente do Departamento de Ciências Naturais e Sociais/Centro de Ciências Rurais/Centro de Ciências Rurais – UFSC. Doutora em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2000), Pós-Doutorado em Educação, com ênfase em Educação do Campo. Tem experiência na área de Sociologia Rural e Educação, com ênfase em Educação do Campo, atuando em: Desenvolvimento, educação e cultura, educação do campo, universidade, educação patrimonial e gestão universitária.

ANTÔNIO MUNARIM
Docente do Departamento de Educação do Campo/Centro de Ciências da Educação – EDC/CED/UFSC. Doutor em Educação: História, Política, Sociedade pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e PósDoutorado em Educação do Campo pela Universidade Estadual Paulista (2013). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Política e Gestão da Educação e Educação do Campo, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação do Campo, Políticas Educacionais e Gestão da Escola Pública.

ANTÔNIO EVALDO ALMEIDA BARROS
É Professor Adjunto da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), atuando nos Programas de Pós-Graduação em Políticas Públicas (UFMA), História (UFMA) e História, Ensino e Narrativas (UEMA). Desenvolve ações de ensino, pesquisa e extensão no campo dos estudos africanos e afro-brasileiros, e da educação do campo e para as relações étnico-raciais. Atualmente, coordena a Ação Escola da Terra, no Estado do Maranhão.

VIVIANE DE OLIVEIRA BARBOSA
É Professora Adjunta da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e da Universidade do Estadual do Maranhão (UEMA), atuando no Programa de Pós-Graduação História, Ensino e Narrativas (UEMA). Seu campo de atuação inclui ações de ensino, pesquisa e extensão que conectam Movimentos Sociais, Questão Rural, Ambiental e Relações de Gênero no Brasil e África. Atualmente, integra a equipe de coordenação da Ação Escola da Terra, no Estado do Maranhão.