Capa do livro: CONTROLE SOCIAL NA SAÚDE: <br>as associações civis de defesa de direitos das pessoas com insuficiência renal crônica

CONTROLE SOCIAL NA SAÚDE:
as associações civis de defesa de direitos das pessoas com insuficiência renal crônica

Autores: Cristiane Soares de Oliveira

livro impresso
de R$ 38,90 por
livro digital
de R$ 38,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

O Controle Social na saúde em Belo Horizonte, Minas Gerais, no segmento de pacientes renais, veio sendo exercido por três associações civis de defesa de direitos de pessoas com insuficiência renal crônica de Belo Horizonte: a Associação Nacional de Pacientes, Doadores e Transplantados Renais (DORETRANS), a Associação dos Pacientes e Transplantados Renais de Minas Gerais (RENALMIG) e a Associação dos Pacientes Renais da Santa Casa de Belo Horizonte (APRESC). Atualmente é a Associação dos Pacientes Receptores, Doadores e Transplantados de Órgãos e Tecidos (AMPARUS) que exerce esta função.  A DORETRANS foi a primeira a ser criada e a mais longeva delas. Ela serviu de inspiração e motivação para o surgimento das outras. A APRESC veio em seguida e depois a RENALMIG.
Todas estas associações foram formadas pela união e organização de pacientes renais crônicos que buscavam melhores condições de tratamento da doença e a garantia de seus direitos e interesses enquanto pacientes de Terapia Renal Substitutiva (TRS) e usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) em Belo Horizonte, Minas Gerais. A atuação dessas associações configurou-se como uma forma de controle social na saúde, contribuindo de forma importante para conquista de direitos e melhorias na qualidade de vida e tratamento para os pacientes em Terapia Renal Substitutiva (TRS) das clínicas de Belo Horizonte, MG. Controle social este, atualmente, efetivado pela AMPARUS que mantém vivo o legado das outras associações. O controle social exercido por estas associações é significativo, eficaz e fruto da mobilização e da organização política como forma de legitimar seus direitos e controlar as ações públicas e privadas.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-2973-0
DOI: 10.24824/978854442973.0
Ano de edição: 2018
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 140
Formato do Livro: 14x21 cm
Número da edição:1

Sumário

CONTROLE SOCIAL NA SAÚDE: <br>as associações civis de defesa de direitos das pessoas com insuficiência renal crônica

Autores

CRISTIANE SOARES DE OLIVEIRA
Graduada em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (1998). Especialista em Gestão em Responsabilidade Social pelo IEC - PUC Minas (2006). Graduada em Serviço Social pela PUC Minas (2010). Atualmente é assistente social na Maternidade Odete Valadares da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (FHEMIG). Tem experiência na área de Serviço Social, com ênfase em Saúde Pública.