Capa do livro: A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E O PENSAMENTO PÓS-COLONIAL:<br> narrativas de pesquisas

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E O PENSAMENTO PÓS-COLONIAL:
narrativas de pesquisas

Autores: Martha Tristão (Org.)

livro impresso
de R$ 53,90 por
livro digital
de R$ 53,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Esta coletânea de textos assume um compromisso com a pesquisa, com a descolonização do pensamento e com as epistemologias em torno de um campo recente em constituição da pesquisa em educação ambiental. Nossas investigações são potencializadas e potencializadoras com as culturas locais a partir da contextualização dos graves problemas ambientais, sociais, políticos, culturais e filosóficos que nos afetam antes e durante a realização de nossas pesquisas. Com isso, criamos infinitas possibilidades de investigação.
A abordagem metodológica da pesquisa em educação ambiental que temos adotado não se prende às amarras de um caminho determinado, estreito e inflexível. Não estamos defendendo que não devemos traçar caminhos ou ter pressupostos em nossas pesquisas; nosso argumento é o de considerar o imprevisível em sua trajetória. A lógica binária é um dos mecanismos de controle criados pela colonialidade e, por isso, sujeito e objeto, cultura e natureza são complementares. Em nossas pesquisas, exploramos as formas de resistências produzidas, as experiências de culturas  com usos de práticas sustentáveis para garantir seus modos de vida e analisamos como comunidades/escolas desenvolvem formas de se relacionar com as naturezas culturas. Partimos de um pensamento decolonial para defender a pesquisa em educação ambiental.
Portanto, as relações com o lugar e as histórias produzidas na visão de saberes culturais locais e sustentáveis nos mobilizam, em especial, porque suscitam a criação de uma outra pedagogia, longe de dogmas. Buscamos, assim, uma permanente correlação entre o lugar, as culturas e as produções narrativas dos sujeitos/comunidades/escolas.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-2826-9
DOI: 10.24824/978854442826.9
Ano de edição: 2018
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 220
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL E O PENSAMENTO PÓS-COLONIAL:<br> narrativas de pesquisas

Autores

MARTHA TRISTÃO (ORGANIZADORA)
Concluiu estágio de pós-doutorado na University of Regina, Saskatchewan, Canadá em 2011. Possui doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2001), mestrado em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (1992) e Licenciatura em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Espírito Santo (1980). Atualmente é professora titular do Programa de Pós-graduação em Educação (PPGE) da UFES, nos cursos de Mestrado e Doutorado. Coordena o Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa e Estudo em Educação Ambiental (NIPEEA) no Centro de Educação da UFES.

ANA PAULA DIAS PAZZAGLINI ROLDI
Possui Mestrado em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), é licenciada em Ciências Biológicas (UFES) e em Pedagogia (UNINTER), possui especialização em Psicopedagogia Institucional (FABAVI). Vinculada ao Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa e Estudo em Educação Ambiental (NIPEEA). É professora da rede Estadual de Educação do estado do Espírito Santo e atua como tutora e professora do Curso EAD de Especialização em Ensino Interdisciplinar em Saúde e Meio Ambiente (IFES).

DENIZE MEZADRI DE ALMEIDA
Possui graduação em Ciências Biológicas pela Faculdade de Pedagogia e Letras São Camilo (ES), com complementação em Biologia na mesma faculdade, doutoranda em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação- PPGE/UFES. Mestre em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo.  Professora da rede Municipal de Ensino Fundamental dos municípios de Piúma (ES) e Anchieta(ES). Pesquisadora do NIPEEA (Núcleo interdisciplinar de Pesquisas e Estudos em Educação Ambiental.

FÁTIMA CÔGO
Doutora e mestre em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). É jornalista e atuou nos veículos capixabas A Tribuna, A Gazeta, TV Gazeta e TV Educativa a partir dos anos 1980. Foi professora de Jornalismo na Faculdades Integradas Espírito-Santenses (FAESA). Atualmente é editora do programa de televisão Temas em Educação, da UFES.

FLÁVIA NASCIMENTO RIBEIRO
Professora do Instituto Federal em Educação do Espírito Santo (Ifes), Coordenadora do Núcleo de Educação Ambiental e Agroecologia (NEAA-Ifes/Itapina), Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas Interdisciplinares em Educação, Sustentabilidade e Agroecologia (CNPq), membro pesquisadora do Núcleo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas em Educação Ambiental (NIPEEA/UFES), facilitadora da Rede Capixaba de Educação Ambiental (RECEA) e da Rede Brasileira de Educação Ambiental (REBEA), Doutora e Mestre em Educação, Licenciada em Pedagogia e Ciências Biológicas.

FERNANDA FREITAS REZENDE
Licenciada em Educação Física e Pedagogia. Especialização em Escolas Sustentáveis e Com-Vida, em Recreação e Ecoturismo. Mestre em Educação pela UFES. Doutoranda em Educação pela UFES. Atua como pesquisadora do NIPEEA (Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa e Estudo em Educação Ambiental). Tem experiência na área de Educação com ênfase em Educação Ambiental, Educação Física, Educação Infantil e Formação Docente. Professora da rede municipal de Vitória e da rede privada superior. Membro da Comissão Interinstitucional Municipal de Educação Ambiental (CIMEA).

GILFREDO CARRASCO MAULIN
Bacharel e licenciado em Ciências Sociais pela UFPR. Mestre em Sociologia Política pela UFSC. Doutor em Educação pela UFES. Professor Adjunto do Centro de Educação da UFES.

IMARA PIZZATO QUADROS
Possui Graduação em Licenciada em Educação Artística (UPF/1986), Mestrado em Educação (UFMT/2006) e Doutorado em Educação (UFMT/2013). Com experiência há mais de 20 anos, na área Educacional, atuando em Escolas Públicas e Privadas do estado do Rio Grande do Sul e de Mato Grosso, na Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio e no Ensino Superior nos Cursos de Educação Artística, Pedagogia e Indígena. Atualmente, Docente de Artes do IFMT - Campus Cuiabá e credenciada no Programa de Pós-Graduação em Ensino - Mestrado Acadêmico (PPGEn IFMT).

KATIA GONÇALVES CASTOR
Professora do Instituto Federal do Estado do Espírito Santo, Campus Centro-Serrano e Campus Vitória - ES. Pedagoga e Doutora em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo. Pesquisadora e líder do Grupo de Pesquisa CNPQ: Cultura e Natureza: movimentos descoloniais, com interesse em Educação Ambiental e Cultura, Formação de professores e Politicas e práticas educativas sustentáveis em comunidades locais.

LUCIA SHIGUEMI IZAWA KAWAHARA 
Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal de Mato Grosso - UFMT(1997), mestrado em Educação (2000) e doutora (2015)  pela mesma universidade, tendo ainda, realizado o doutorado sanduíche na United Nations University - UNU/TOKYO em 2012. Atua como analista de meio ambiente da Secretaria de Estado de Meio Ambiente - SEMA//MT. 

MARCIA MOREIRA DE ARAÚJO
Doutora e mestre em educação UFES-ES. Graduada em ciências biológicas
Educadora ambiental e professora da educação básica e superior há 25 anos. Pós doutoranda em ciências políticas e antropologia UENF-ES.

MICHÈLE SATO
Michèle Sato é coordenadora do Grupo Pesquisador em Educação Ambiental, Comunicação e Arte (GPEA) da Universidade Federal de Mato Grosso, atuando em diversas temáticas da arte-educação-ambiental. Nos últimos anos, tem investigado os cenários da justiça climática.

PATRICIA BARONI
É professora adjunta do Departamento de Didática da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, doutora em Educação formada pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Espírito Santo e mestre em Educação formada no Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

ROSINEI RONCONI VIEIRAS
Professor do Instituto Federal do Espírito Santo – Campus Itapina. Graduado em Geografia pela FICAB (Faculdades Integradas Castelo Branco – 1993), possui especialização em Geografia do Brasil (1997) e Educação Ambiental (2006). Mestrado (2012) e doutorado (2017) em Educação pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Atualmente está como Coordenador Adjunto do Núcleo de Educação Ambiental e Agroecologia
do Instituto Federal do Espírito Santo – Campus Itapina.