Capa do livro: PENSAMENTO PEDAGÓGICO CONTEMPORÂNEO NO BRASIL:<br> ensaios críticos

PENSAMENTO PEDAGÓGICO CONTEMPORÂNEO NO BRASIL:
ensaios críticos

Autores: Jennifer de Carvalho Medeiros - Raquel de Almeida Moraes (Orgs.)

livro impresso
de R$ 46,35 por
livro digital
de R$ 46,35 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Este livro contém ensaios do pensamento pedagógico contemporâneo brasileiro que,  a partir de uma perspectiva crítica,  revelam os consensos e as contradições inerentes aos processos educacionais da cada momento histórico do país sinalizando seus limites e desafios.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-2933-4
DOI: 10.24824/978854442933.4
Ano de edição: 2019
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 164
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

PENSAMENTO PEDAGÓGICO CONTEMPORÂNEO NO BRASIL:<br> ensaios críticos

Autores

ALDA LINO DOS SANTOS
Possui graduação em Estudo Sociais pelo Centro Universitário de Brasília (1986), graduação em Pedagogia pela Universidade de Brasília (2000) e mestrado em Educação pela Universidade Católica de Brasília (2006). Atualmente é assessora técnico pedagógica da Academia da Polícia Militar do Distrito Federal e assessora pedagógica do Instituto Superior de Ciências Policiais. Tem experiência na área de Sociologia, com ênfase em Segurança Pública. Avaliadora Institucional, Consultora Pedagógica do Instituto Educar – Rede EaD Senasp – Secretaria Nacional de Segurança Pública, Doutoranda em educação.

ANA MARIA DE JESUS SOUSA-CUNHA
Graduanda em Música pelo Centro Universitário Claretiano. Graduada em Ciências Biológicas pela Faculdade da Terra de Brasília (2006) e em Educação Artística pela Faculdade de Artes Dulcina de Moraes (1999), Mestre em Artes pela Universidade de Brasília (2006), especialista em Biociências Forenses pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás (2012) e Mestra em Zoologia pela Universidade de Brasília (2014). Tem experiência na área de Artes com ênfase em Arte-educação e na área de Entomologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Sarcophagidae (Insecta: Diptera) e Entomologia Forense. É professora da Secretaria de Estado de Educação do Distrito Federal.

CLEUNICE MATOS REHEM
Doutoranda em Ciência da Educação, Mestre em Educação, especialista em administração da educação, em gestão universitária, em EaD e em formação de professores, pós graduada em Administração Pública pela FGV/Br, em Administração Universitária pela UNED/OEI/Espanha, em Planejamento da Educação pela Universidade Federal da Bahia, Pedagoga, autora de livros e artigos nas áreas de formação e emprego, de gestão da educação profissional pela OEI/Espanha, assessora da Secretaria da Educação Superior MEC/BR (atual), Assessora da Secretaria Executiva do MEC (2016), assessora especial na Casa Civil da Presidência da República/BR (2014/2015), coordenadora geral de regulação da educação superior a distância da SERES/MEC (2012/2014), coordenadora geral de fluxos e processos de regulação da educação superior SESU/MEC 2008/2011), superintendente de educação do Estado da Bahia (1995-1998), integrante da Comissão Assessora de Educação Profissional Técnica na OEI/Madrid (2007-2012), Coordenadora Geral de Educação Profissional (SEMTEC/MEC, 1999-2003), Coordenadora Executiva da Assistência Social (Bahia, 2004-2006), professora de educação superior, professora autora e tutora em cursos a distância para 23 países ibero-americanos pela OEI/UNED, Conselheira do Conselho Nacional de Saúde – CNS (2013), Membro da Comissão Nacional de Avaliação da Educação Superior – CONAES, representando o MEC. Publicações: Perfil e Formação do Professor de Educação Profissional Técnica (Editora Senac); Formación Profesional y Empleo (OEI); Desafios Atuais da Educação Técnico-Profissional (Santillana/ES); A Pedagogia do Sereno (Livro Rápido Editora / 2018).

IBSEN PERUCCI DE SENA
Doutorando em Educação na linha de Currículo e Formação Docente pela Universidade de Brasília (UnB). Professor no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília (IFB). Licenciado e Mestre na área de Música pela UnB. Investiga políticas públicas para a Educação Básica e a organização do conhecimento nos currículos escolares com ênfase no Currículo Prescrito, Currículo Modelado e na Integração Curricular. Foi professor na Secretaria de Estado e Educação do Distrito Federal (SEEDF) atuando nas etapas do Ensino Fundamental, Ensino Médio e na modalidade da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Experiência na Coordenação Regional de Ensino e na Subsecretaria de Educação Básica (SUBEB/DF) com a integração curricular da Educação Profissional e a EJA por meio de cursos de Formação Inicial e Continuada (FIC) e do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC). Atualmente desenvolve pesquisa como integrante dos Grupos: Currículo e Processo Formativo: inovação e interdisciplinaridade e Currículo: Concepções Teóricas e Práticas Educativas.

JENNIFER DE CARVALHO MEDEIROS (ORG.)
Pedagoga pela Universidade de Brasília, Especialista em Gestão e Orientação Educacional, Mestre em Educação (Eixo: Políticas Públicas Educacionais) pela Universidade de Brasília. Doutoranda em Educação (Eixo: Políticas Públicas Educacionais) pela Universidade de Brasília. Professora do Instituto Federal de Brasília, onde atua nos cursos de Pedagogia e Letras, sendo coordenadora do curso de Pedagogia. Coordenadora Adjunta de Ensino da EaD do Instituto Federal de Brasília.

LEYVIJANE ALBUQUERQUE DE ARAÚJO
Licenciada em Pedagogia com habilitação em supervisão e orientação educacional pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), tem especialização Lato Sensu em Informática e Educação pelo Centro Universitário do Norte ( UNINORTE), aperfeiçoamento em Qualidade da Educação Básica pelo Instituto de Estudos Avançados das Américas (INEAM) da Agência Interamericana de Cooperação e Desenvolvimento da Secretaria Geral da Organização dos Estados Americanos (AICD/OEA), Mestrado em Educação pela Universidade Federal do Amazonas e doutoranda pela Universidade de Brasília (UnB). Tem experiência na Educação Básica, no Ensino Superior e na Educação à Distância, atualmente é pedagoga na Universidade de Brasília.

LILA LOUISE MOREIRA MARTINS FRANCO
Possui graduação em Odontologia pelo Centro Universitário de Anápolis/UniEVANGÉLICA (2003) e em Pedagogia pela Faculdade de Educação/Universidade Federal de Goiás (2013). Foi coordenadora da subcomissão interna de avaliação do Curso de Odontologia, coordenadora pedagógica do Curso de Fisioterapia e de Odontologia, no Centro Universitário de Anápolis. Atualmente é professora adjunto do curso de Odontologia. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas de saúde, educação em saúde, promoção de saúde; e na área de Pedagogia, com ênfase em formação de professores.

LUIZA RANGEL
Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Goiás (1997) e mestrado em Educação, área de concentração Políticas Públicas e Gestão da Educação Superior pela Universidade de Brasília (2010). Atualmente é docente de ensino superior no (Campus – Luziânia) e assessora da Reitoria da Universidade Estadual de Goiás – UEG. Tem experiência na área de Políticas Públicas, com ênfase em gestão, atuando nos seguintes temas: Educação, Avaliação Institucional, Ciência, Tecnologia & Inovação, Gênero, Esporte, Cultura e juventude.

MARIA DA CONCEIÇÃO L. AFONSO
Doutoranda em Educação pela Faculdade de Educação (FE) da Universidade de Brasília (UNB). Mestre em Ciência da Informação pela Universidade de Brasilia (UnB). Possui graduação em Biblioteconomia (UnB), especialização em Gestão de Tecnologias da Informação (GTI/UnB) e MBA em Administração de Estratégica de Sistemas de Informação pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Atua como Analista de Desenvolvimento Industrial no Serviço Nacional de Aprendizagem (SENAI/DN). Atuou como Professora Substituta na Faculdade de Ciência da Informação (FCI) da Universidade de Brasília (UnB). Além disso, desenvolveu projetos com foco no desenvolvimento de Repositórios de Objetos de Aprendizagem e Objetos de Aprendizagem: Banco Internacional de Objetos Educacionais (BIOE/MEC), Biblioteca Central da UNB e Universidade Aberta do SUS (UnA-SUS).

MARINA MATTIONI SCHARDONG
Possui graduação em Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2002-2007). Especialista em Relações Internacionais pela Universidade de Brasília (2011-2012). Mestra em Gestão Educacional pela UNISINOS, com a dissertação Desafios à Institucionalização da Internacionalização na Universidade de Brasília (março/2017), orientada pela professora dra. Maria Isabel da Cunha. É servidora no Instituto de Letras (IL) da Universidade de Brasília. Tem interesse na área de Educação, Internacionalização e Cooperação Internacional, em especial Cooperação Sul-Sul.

RAQUEL DE ALMEIDA MORAES (ORG.)
Professora Associada 4 da Universidade de Brasília. Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1996) e estudos pós-doutorais em Filosofia da Educação pela Universidade de Haifa (2004). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Filosofia, História e Política educacional, atuando principalmente nos seguintes temas: informática na educação, educação a distância, formação de professores, linguagem e democracia, métodos de pesquisa em educação e educação comparada. Entre as suas obras, destacam-se: Informática educativa no Brasil: das origens à década de 1990; Educação a distância (EaD): reflexões críticas e práticas; Para onde vai a política de ciência & tecnologia no Brasil? Além de artigos publicados em periódicos, livros e capítulos tratando dos seguintes temas: Informática na Educação; Proformação; Linguagem Crítica na Educação; Concepção de Tecnologia em Anísio Teixeira; Mídias e Educação; Educom, Eureka e Gênese; questão de raça/etnia; educação a distância e formação de professores na globalização; consciência e materialismo dialético, comunicação emancipadora e contra-hegemônica; Gramsci e a cultura, entre outros. É líder, na UnB, do Grupo de Estudos e Pesquisas do CNPq História, Sociedade e Educação no Brasil no DF, HISTEDBR-DF, um dos GTs do HISTEDBR nacional, sediado na Unicamp, com a liderança de Dermeval Saviani e José Claudinei Lombardi. Integra, ainda, o Grupos de Pesquisa do CNPq: GEFFOP- Grupo de estudos sobre filosofia da educação e formação de professores e participa do Observatorio do Movimento pela Tecnologia Social na America Latina e Caribe. Nas Ciências Sociais, a partir de 2017, faz parte da CLACSO, no GT – Universidade e Políticas de Educação Superior; por fim, é vice-coordenadora do Núcleo de Política Científica, Tecnológica e Sociedade, NP-CTS do Centro de Estudos Avançados da CEAM/UnB.

THAYS FERREIRA SOARES
Possui graduação em pedagogia pela Universidade de Brasília (2010), pós-graduação em gestão escolar também pela UnB. Mestranda em Educação pela Universidade de Brasília. Atualmente é pedagoga – professora atividades – na Secretaria de Educação do Distrito Federal. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Métodos e Técnicas de Ensino

VALDÍVIA DE LIMA PIRES EGLER
Professora da Secretaria de Educação do Distrito Federal desde 1991, com atuação na etapa da educação infantil e anos iniciais. Possui graduação em Comunicação Social pelo Centro de Ensino Unificado de Brasília (1992) e licenciatura em Esquema I pela Universidade de Brasília, especialização em Coordenação Pedagógica com Ênfase no Ensino Médio pelo CEAD/ UNB e mestrado em educação pela Universidade de Brasília. Nos últimos quatro anos atuou como formadora de professores na Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação (EAPE/SEDF), no Núcleo de Formação de Professores da Educação Infantil e Anos Iniciais. Atualmente é doutoranda em educação na Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, na linha de pesquisa Escola, Aprendizagem, Ação Pedagógica e Subjetividade na Educação.