Capa do livro: REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL SOBRE EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL E AS IMPLICAÇÕES EM SUA PRÁTICA PEDAGÓGICA:<br> por uma pedagogia decolonial e intercultural

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL SOBRE EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL E AS IMPLICAÇÕES EM SUA PRÁTICA PEDAGÓGICA:
por uma pedagogia decolonial e intercultural

Autores: Antônio Luís Parlandin dos Santos - Edineide Cristina Cabral Parlandin (Orgs.)

livro impresso
de R$ 59,90 por
livro digital
de R$ 59,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Esta obra é fruto de pesquisas que buscam a interface entre diversas áreas: educação, psicologia e ciências sociais em geral. Por meio da Teoria das Representações Sociais, contextualiza as relações entre escola e sociedade, desbravando novos horizontes e subvertendo a rígida estrutura das disciplinas. Tensiona a reprodução de padrões hegemônicos e intensifica os estudos sobre a educação para as relações étnico-raciais na escola. Trata-se de um amplo diálogo e debate acerca das barbáries atuais observadas como expressão do preconceito, discriminação e racismo na escola. O percurso deste estudo nos conduz a uma visão psicossocial da educação para as relações étnico-raciais na atualidade. Tentamos abandonar o cômodo lugar que uma perspectiva hegemônica de ciência e pesquisa – moldadas na história moderna/ocidental/eurocêntrica – nos levaria. Com a teoria das representações sociais e a pedagogia decolonial e intercultural realizamos grande esforço para superar as dicotomias criadas no processo de fragmentação do mundo, do ser, do saber etc. Almejamos olhar, ouvir, ler, escrever etc., considerando outras racionalidades a fim de compreender o que as relações étnico-raciais na escola de nosso lugar nos ensinam sobre o silenciamento, naturalização e/ou enfrentamento e subversão da colonialidade ou das colonialidades (poder, ser, saber, cosmogônica etc.).

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-85-444-3949-4
DOI: 10.24824/978854443949.4
Ano de edição: 2019
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 248
Formato do Livro: 14x21 cm
Número da edição:1

Sumário

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL SOBRE EDUCAÇÃO ÉTNICO-RACIAL E AS IMPLICAÇÕES EM SUA PRÁTICA PEDAGÓGICA:<br> por uma pedagogia decolonial e intercultural

Autores

SOBRE OS ORGANIZADORES
ANTÔNIO LUÍS PARLANDIN DOS SANTOS
Professor do Magistério Superior da Universidade Federal do Pará (UFPA), Doutor em Educação (UFPA); Mestre em Educação (UEPA/PUC-Rio). Graduado em Licenciatura em Pedagogia e Enfermagem; graduação em Ciências Sociais (em curso); Especialista em Docência do Ensino Superior, Atenção Básica à Saúde, Metodologia da Pesquisa Científica e em Relações Étnico-Raciais para o Ensino Fundamental. Possui experiência interdisciplinar nos cursos de graduação e pós-graduação em Administração, Serviço Social, Pedagogia, Educação Física, Enfermagem e Ciências Sociais.

EDINEIDE CRISTINA CABRAL PARLANDIN
Pedagoga e professora da Educação Básica. Especialista em Educação Inclusiva.

SOBRE OS AUTORES
ANTÔNIO LUÍS PARLANDIN DOS SANTOS
Professor do Magistério Superior da Universidade Federal do Pará (UFPA), Doutor em Educação (UFPA); Mestre em Educação (UEPA/PUC-Rio). Graduado em Licenciatura em Pedagogia e Enfermagem; graduação em Ciências Sociais (em curso); Especialista em Docência do Ensino Superior, Atenção Básica à Saúde, Metodologia da Pesquisa Científica e em Relações Étnico-Raciais para o Ensino Fundamental. Possui experiência interdisciplinar nos cursos de graduação e pós-graduação em Administração, Serviço Social, Pedagogia, Educação Física, Enfermagem e Ciências Sociais.

IVANY PINTO NASCIMENTO
Bolsa Produtividade 2. Possui graduação em Licenciatura em Psicologia pela Universidade da Amazônia (1984), graduação em Formação de Psicólogo pela Universidade da Amazônia (1985), graduação em Licenciatura em Letras pela Universidade Federal do Pará (1978), mestrado (1998) e doutorado (2002 em Psicologia da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo).Pós Doutorado (2011) pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Atualmente é consultora ad hoc – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES e do INEP – Professora Associada III da Universidade Federal do Pará. Pesquisador associado da Fundação Carlos Chagas. Membro da Cátedra UNESCO sobre Profissionalização Docente. Coordena grupo de estudos e pesquisas sobre temas: juventude, Educação, identidade, Subjetividade, Representações Sociais, ensino-aprendizagem e projeto de vida. Consultora das revistas: Psicologia e Sociedade, Mackenzie, Colombiana sobre a Juventude...

WASHINGTON LUIZ PEDROSA DA SILVA JUNIOR
Professor licenciado em Matemática pela Universidade do Estado do Pará – UEPA. Especialista em Fundamentos da Matemática Elementar, Gestão Educacional e Docência do Ensino Básico e Superior, Matemática Financeira e Estatística e Educação do Campo. Professor da Escola Pública Federal Tenente Rêgo Barros – ETRB.