Capa do livro: DOCÊNCIA E PRÁTICAS PEDAGÓGICAS:<br> Percursos, reflexões e experiências no cotidiano da educação

DOCÊNCIA E PRÁTICAS PEDAGÓGICAS:
Percursos, reflexões e experiências no cotidiano da educação

Autores: Eliseu Riscaroli (Org.)

livro impresso
de R$ 54,90 por
livro digital
de R$ 54,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

Ainda não sabemos ao certo o que a pós pandemia nos reserva no chão da escola. É provável que pouca coisa mude. Mais provável que o descaso continue e até se exacerbe, haja visto, pelas previsões, haverá evasão sem precedentes neste ano perdido da/na aprendizagem escolar. Alunos da EJA, já alijados do processo normal de alfabetização, tendem a ver seu percentual aumentado, não apenas pela pandemia, mas sobretudo por um país sem governo, um ministério da educação feito ventríloquo desgovernado nas mãos de Velez, Weintraub e agora do pastor Ribeiro que defende ‘vara como instrumento de disciplina’. Se os negros, indígenas e deficientes tem uma legislação que minimamente assegura sua estada na escola, a farsa aparece logo em seguida: os professores não sabem língua brasileira de sinais, não sabem história da África e nem mesmo sabem o nome científico do povo indígena que habita seu município, são “índios”. A literatura no século XXI é artigo de luxo para a maioria da população e enganou-se quem pensava que a internet ia resolver esse problema: ter um celular é parte do problema, falta acesso à rede mundial, nacional, local. O analfabetismo político assim como o fogo na Amazônia e no Pantanal, visita você anualmente.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-5868-234-9
ISBN DIGITAL:978-65-5868-233-2
DOI: 10.24824/978655868234.9
Ano de edição: 2020
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 220
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

DOCÊNCIA E PRÁTICAS PEDAGÓGICAS:<br> Percursos, reflexões e experiências no cotidiano da educação

Autores

ARINALDA SILVA LOCATELLI
Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Pará, com Especialização em Supervisão Educacional pela Universidade Iguaçu. Mestre em Educação pela Universidade Federal do Maranhão. Doutora em Educação pela pelo Programa de Pós-Graduação da FaE/UFMG na linha de Políticas Públicas. Professora Adjunta do Curso de Pedagogia da Universidade Federal do Tocantins (UFT) no Campus de Tocantinópolis. Tem experiência na área de educação infantil e estágio supervisionado, atuando principalmente nos seguintes temas: trabalho docente, formação docente e práticas na educação infantil. Integra como pesquisadora e vice coordenadora o Núcleo de Estudos sobre Infância e Linguagem – NEIL. Participa como pesquisadora do Grupo Interdisciplinar de Estudos e Pesquisas sobre Estado, Educação e Sociedade – GIEEPS. Participa ainda do Grupo de Pesquisas sobre Política Educacional e Trabalho Docente – GESTRADO da FaE/UFMG.

LÍVIA MARIA FRAGA VIEIRA
Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1978), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (1987) e doutorado em Ciências da Educação – Université René Descartes-Paris V (2007). Atualmente é professora associada da Faculdade de Educação da UFMG e do Programa de Pós-Graduação em Educação da mesma Universidade. Tem experiência de trabalho e pesquisa na área de Política Educacional e Trabalho Docente na Educação Básica, bem como em Educação Infantil, atuando principalmente nos seguintes temas: política educacional, políticas públicas e história da educação infantil, trabalho docente e formação de professores. Integra, como pesquisadora e vice coordenadora, o Grupo de Pesquisas sobre Política Educacional e Trabalho Docente – GESTRADO. Integra também como pesquisadora e vice coordenadora o Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Infância e Educação Infantil – NEPEI. Coordenadora do Doutorado Latino-americano em Educação: Políticas Públicas e Profissão Docente. Membro titular do Comitê Científico Anped-GT07 Educação da Criança de 0 a 6 anos no período de 2017 a 2019. Vice coordenadora da Anped-Sudeste 2020, no GT 07-Educação da Criança de 0 a 6 anos. E membro titular do Comitê Científico da Anped-Sudeste 2020, no mesmo GT 07.

IZABEL CRISTINA DOS SANTOS TEIXEIRA
Graduada me letras (UFSC 2000); Mestre em literatura (UFSC 2002); Doutora em literatura (2011). Desenvolve pesquisa em ensino de literatura, literatura e meio ambiente e literatura e interdisciplinaridade. Atualmente é docente vinculada ao instituto de linguagens e literatura da UNILAB – CE.

LUÍS CARLOS FERREIRA
Possui graduação em pedagogia pela UERJ (1998); Mestrado em educação pela UERJ (2004); Doutorado em Políticas Públicas e Formação Humana pela UERJ (2017). Professor Adjunto no curso de pedagogia da UNILAB. Atualmente integra o grupo de pesquisa Brasil-África: produção de conhecimento, sociedade civil e cidadania. Exerce atividades de pesquisa e extensão no campo da EJA, educação e trabalho, politicas publicas educacionais no Brasil e África e manifestações culturais africanas no Ceara, Maciço do Baturité – CE.

MARINEZ CARGNIN-STIELER
Possui graduação em Matemática pela Universidade Federal de Santa Maria (1987), doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2014) e mestrado em Ensino da Matemática pela Universidade Franciscana (2007). Foi professora adjunta da Universidade do Estado de Mato Grosso, atualmente é professora sênior. Coordenadora do Projeto de Redes Terra como Princípio Educativo.

HELLEN CRISTINA DE SOUZA
Doutora em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Trabalhou como professora formadora na área de Educação Escolar Indígena no CEFAPRO – Centro de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica do Estado do Mato Grosso. É pesquisadora associada ao Núcleo de Estudos de Educação e Diversidade NEED do campus da Universidade do Estado de Mato Grosso UNEMAT em Tangará da Serra MT. É membro Red Latinoamericana de Estudios y Experiencias Interculturales.

LEONICE APARECIDA DE FÁTIMA ALVES PEREIRA MOURAD
Doutora em Geografia (UFSM); Doutora em História da América Latina (UNISINOS); Mestra em Geografia (UFSM), História da América Latina (UNISINOS); Especialista em Metodologia do Ensino Superior (UNISINOS); Graduada em Direito e História (UNISINOS), Ciências Sociais, Serviço Social e Geografia (ULBRA) e Agricultura Familiar e Sustentabilidade (UFSM). Atua como docente na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) – Santa Maria (RS).

DIOVANE DA ROSA DILL
Possui graduação em História pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (2000). Mestre em Ensino de História pela UFSM (2018) e Doutorando em educação pela UNISC. Docente da educação básica na rede municipal de Triunfo e da rede estadual do RS. Tem experiência na área de ensino de História.

ELISEU RISCAROLI
Graduado em pedagogia pela UFMT (1995), Mestre em educação pela UFMT (1998), Doutor em educação pela UFSCar (2007), Pós-doutor em Democracia e Direitos Humanos pela FDUC – Portugal (2013). Atua no ensino com disciplinas de Filosofia da educação; Fundamentos epistemológicos; Gênero, Diversidade e Sexualidade; Currículo. Filiado a REGGSILA – rede de estudos de geografia, gênero e sexualidade Ibero Latino Americana. Pesquisa e orienta nas temáticas de gênero, infância, direitos humanos, fundamentos de educação. Publicou nesta editora: Epistemologias da Infância (2017); Praticas Plurais em Educação (2017); Infância e Educação (2014); Direitos Humanos, Democracia e Justiça (2013); Diversidades: diálogos (im)pertinentes entre educação, literatura e sexualidade (2014); Cruzando Fronteiras: leituras em gênero, literatura e educação (2012 – Appris).

ANA PAULA DE PÁDUA CÂNCIO
Especialista em Língua Brasileira de Sinais (Libras) e graduada em Pedagogia pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). Atuou como professora dos anos iniciais do Ensino Fundamental, na Educação de Jovens e Adultos (EJA), e como Coordenadora Pedagógica pela Prefeitura Municipal de Oriximiná-PA. Tem experiência na área da Educação, Educação Inclusiva, Ciclos de Aprendizagem e como coordenação local do Exame Nacional de Avaliação.

RAIMUNDO NONATO DE PÁDUA CÂNCIO
É professor adjunto da Universidade Federal do Tocantins (UFT). Possui Pós-doutoramento em Educação pelo Instituto de Ciências da Educação da Universidade Federal do Pará. Doutor em Educação pela Universidade Federal do Pará, na Linha Educação, Cultura e Sociedade. Mestre em Educação pela Universidade do Estado do Pará, na Linha Formação de Professores. Especialista em ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa. Possui graduação em Letras, Língua Portuguesa, pela Universidade Federal do Pará. Atua na área de Educação e Linguagem, realizando estudos sobre Pós-colonialismo, Decolonialidade, Relações Étnico-raciais e Educação Escolar Indígena na Amazônia brasileira. É docente no Programa de Pós-graduação em Formação Docente em Práticas Educativas (PPG FOPRED/UFMA).

VALTER ZOTTO DE ANDRADE
Doutor em Língua Portuguesa, pela PUCSP. Mestre em Comunicação e Linguagens, pela Universidade Tuiuti do Paraná. Especialista em Linguística Aplicada ao Ensino de Língua Portuguesa, pela UFPR. Graduado em Letras, pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem experiência em Ensino Básico e Superior (ênfase nos cursos de Letras e Pedagogia). Tem experiência no ensino de língua portuguesa para estrangeiros. Atualmente, dedica-se aos estudos da Análise Textual dos Discursos (ATD). Interessa-se pela confluência da ATD com a sociorretórica com vistas ao ensino de gêneros acadêmicos para escritores iniciantes (graduandos e pós-graduandos). Integra o Grupo de Pesquisa LACE (Linguagem em Atividade no Contexto Escolar), do Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem, da PUCSP.

TOMAZ MARTINS DA SILVA FILHO
Graduado em Filosofia pelo Instituto de Estudos Superiores do Maranhão; Especialista em filosofia e ensino de filosofia pelo Centro Universitário Claretiano. Docente do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Pará. Mestre em Educação pela UFT. Tem experiência em educação básica, tecnológica e superior. Doutorando em filosofia pela Universidade Federal de Sergipe.

CLEBSON GOMES DA SILVA
Graduado em pedagogia pela Universidade Federal do Tocantins (2010); graduado em Física pela UFT (2018); Especialista em Psicopedagogia (2013) e Docência do ensino superior (2014) pelo ESEA; Mestrando em educação pelo PPGE/UFT. Professor da educação básica e atualmente assessor no Conselho Estadual de Educação do Tocantins. Faz parte do grupo de pesquisa da Rede Internacional de Escolas Criativas – RIEC.

MAKLINA DOS SANTOS ALMEIDA
Graduada em Enfermagem e pós-graduada em Gestão em Saúde pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), graduanda em Letras-Língua Portuguesa pela Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), membra do grupo de pesquisa Língua/Linguagem e Tecnologia na Educação – Linguage and Technology in Education (LANTECH). Atuou como bolsista do Programa de Iniciação à Docência (PIBID) da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), desenvolvendo atividades de ensino na área de Língua Portuguesa e Literatura em Escola de Ensino Médio, no período de agosto de 2018 à julho de 2019. Atualmente, é tutora júnior no Programa de Acompanhamento e Orientação Acadêmica (PULSAR) do curso de Letras-Língua Portuguesa da UNILAB, desenvolvendo atividades de tutoria individual e coletiva das disciplinas do 1º e 2º semestre para os discentes ingressantes, bem como a realização de minicursos, oficinas e seminários que objetivem o letramento acadêmico e o melhor desempenho dos estudantes na graduação.

CRISTIANE ROSA DE OLIVEIRA
Graduada em pedagogia e Especialista em Educação, Pobreza e Desigualdade Social pela UFT. Especialista em gestão educacional e escolar pela UFMA. Membra fundadora do Núcleo de Estudos da África e dos afro-brasileiro (NEAF/UFT). Membra do grupo de pesquisa Interdisciplinar sobre Estado, Educação e Sociedade (GIEPEES). Foi secretaria de Educação de Tocantinópolis. Atuou como bolsista no projeto de extensão do Cine clubinho e no projeto Direitos Humanos, Diversidade de Gênero e Sexualidade no Tocantins.

WILLIAM CARLOS DE SOUSA
Graduado em pedagogia pela Universidade Federal do Tocantins (UFT); Pós- Graduado em Educação, Diversidade e Cidadania pela Faculdade Educacional da Lapa (FAEL). Professor das séries iniciais de 1º a 5º ano do EF, na Secretaria Municipal de Educação de Montes Altos – MA. Coordenador Municipal do sistema Estadual de Avaliação do Estado do Maranhão – SEAMA. Articulador Municipal do Programa Educação conectado – Mec.

REGIS GLAUCIANE SANTOS DE SOUZA
Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Tocantins (UFT); Mestrado e Doutoramento em Estudos Interdisciplinares Sobre Mulheres, Gênero e Feminismos pela Universidade Federal da Bahia (PPG-NEIM/UFBA). Tem experiências em avaliação institucional (CPA/UFT). Professora da Secretaria Municipal da Educação em Salvador – Bahia. Desenvolve estudos e pesquisas na área de concentração que integra: estudos de gênero e feminismos, gênero e interseccionalidades, ciência e políticas públicas educacionais, mediadas pelas análises da redistribuição, do reconhecimento e da representação de identidades subjetivas na educação.

IOLE MACEDO VANIN
Possui graduação em História pela Universidade Católica do Salvador (1998), mestrado (2002) e doutorado (2008) em História pela Universidade Federal da Bahia. É docente associada I no Bacharelado em Estudos de Gênero e Diversidade, no Programa de Pós-Graduação em Estudos Interdisciplinares Sobre Mulheres, Gênero e Feminismo/PPGNEIM, da Universidade Federal da Bahia, onde exerce atualmente o cargo de Ouvidora Geral. Vice-Diretora da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas/FFCH/UFBA. Pesquisadora filiada da Rede Regional Norte Nordeste de Estudos e Pesquisas Sobre a Mulher e Relações de Gênero/REDOR e do Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre a Mulher/NEIM. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Masculinidades, atuando principalmente nos seguintes temas: gênero, educação, estudos de gênero e feminismo, história e feminismo.

MARIA JOSÉ DE PINHO
Possui graduação em História e graduação em Pedagogia. Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco. Doutorado em Educação e Currículo pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e Pós-Doutorado em Educação pela Universidade do Algarve-Portugal. É professora Associado e Bolsista Produtividade do CNPq categoria 2. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Política Educacional, atuando principalmente nos seguintes temas: formação de professores, política educacional, profissionalização docente, avaliação institucional, Metodologia de Pesquisa; Estudos contemporâneos. Avaliadora do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior do INEP /MEC. É professora na graduação Curso de Jornalismo, no Programa de Pós-Graduação Mestrado e Doutorado em Ensino de Língua e Literatura. Também é professora no Programa de Pós-Graduação Mestrado em Educação a partir de 2012. É membro da Rede Internacional de Escolas Criativas: construindo a escola do século XXI (RIEC Coord. UB/Espanha).

JOCYLEIA SANTANA DOS SANTOS
Pós-Doutora em Educação/UEPA. Doutora em História/UFPE. Mestre em História/UFPE. Coordenadora do Polo Tocantins do Doutorado em Educação na Amazônia - Rede EDUCANORTE/PGDEA. Coordenadora do Mestrado Acadêmico em Educação- PPGE/UFT. Coordenadora Local do Procad/Amazônia e Pesquisadora do Programa Nacional de Cooperação Acadêmica na Amazônia: UEPA, UFRN e UFT (Procad/2018). Sócia da Associação Nacional de Pesquisa em Educação (Anped)/GT -2 -História da Educação. Membro e Avaliadora da Anped/Norte. Sócia da Associação Brasileira de História Oral (ABHO). Sócia da Sociedade Brasileira de História da Educação (SBHE). Pesquisadora da Rede Inter-Regional Norte, Nordeste e Centro-Oeste sobre Docência na Educação Básica e Superior (Rides). Membro do Fórum Nacional de Coordenadores de Programas de Pós-Graduação em Educação (Forpred). Membro do Comitê Técnico-Científico da (CTC/UFT). É avaliadora ad-hoc da Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, da Revista Histedbr On Line e da Revista OPSIS -UFG-Catalão-GO. Professora Associada III da UFT.