Capa do livro: SERVIÇO SOCIAL, (DES)PATOLOGIZAÇÃO DA VIDA E RELIGIOSIDADE EM SAÚDE MENTAL

SERVIÇO SOCIAL, (DES)PATOLOGIZAÇÃO DA VIDA E RELIGIOSIDADE EM SAÚDE MENTAL

Autores: Vinicius Pinheiro de Magalhães

livro impresso
de R$ 52,90 por
livro digital
de R$ 52,90 por

Disponibilidade: 2 Dia(s)
+ Prazo de Frete

Na Compra de 3 livros do site, frete grátis

Na Compra de 2 livros do site, 50% de desconto do frete

Na Compra de 1 livro do site, 15% de desconto do frete

 
Indique para um amigo
Insira seu CEP para calcular o frete:

Sinopse

O presente livro reflete sobre a polêmica da religiosidade para os campos da Saúde Mental e do Serviço Social brasileiros, compreendendo-a como uma dimensão complexa e contraditória para tais campos: mecanismo de castração ou apoio social; e dimensão de conservadorismo ou de insurreições e inconformismo latente.

Os campos da Saúde Mental e da profissão de Serviço Social, na realidade do Brasil, assumiram o projeto moderno de defesa intransigente dos direitos humanos, ao tempo em que se contrapuseram às tendências conservadoras, obscurantistas e reacionárias, as quais têm por baliza um ideário religioso. A proposta de intercurso teórico, sinalizada neste livro, entre as temáticas do Serviço Social, Saúde Mental e religiosidade, tem, portanto, natureza polêmica. Certamente que há coerência e preocupação legítima em tal polêmica, uma vez que retrocessos se avizinham de todos os lados para os campos em questão, os quais ameaçam projetos de defesa dos direitos humanos. Todavia, o rigor reclama a necessidade de apresentar a religiosidade como uma dimensão complexa e contraditória, tanto para o campo da Saúde Mental como para o Serviço Social brasileiro: mecanismo de castração ou apoio social; e dimensão de conservadorismo ou de insurreições e inconformismo latente. Trata-se de uma reflexão que pode contribuir para uma abertura do Serviço Social a uma aproximação das expressões culturais das classes subalternas, seus modos de vida e de resistência, compreendendo que a luta pela emancipação não deve prescindir de aproximações com as dimensões da subjetividade e cultura humanas, elementos que, de variadas formas, podem cooperar com processos de libertação.

Detalhes do produto

Editora: EDITORA CRV
ISBN:978-65-5868-172-4
ISBN DIGITAL:978-65-5868-160-1
DOI: 10.24824/978655868172.4
Ano de edição: 2020
Distribuidora: EDITORA CRV
Número de páginas: 208
Formato do Livro: 16x23 cm
Número da edição:1

Sumário

SERVIÇO SOCIAL, (DES)PATOLOGIZAÇÃO DA VIDA E RELIGIOSIDADE EM SAÚDE MENTAL

Autores

VINICIUS PINHEIRO DE MAGALHÃES
É assistente social (UFRB); Mestre em Serviço Social (PROSS/UFS) e membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Fundamentos, Formação em Serviço Social e Políticas Sociais (GEPSSO/UFS). Atualmente, coordena um Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) em Cruz das Almas (BA).